ABOUT TODAY

ABOUT TODAY João Louro (n.1963) é um dos mais originais artistas portugueses da sua geração. Um dos melhores, arrisco. “ABOUT TODAY” é a exposição individual que a zet gallery pensou e criou com ele e que evidencia o caráter premonitório e reflexivo da sua obra. Numa seleção de cerca de dezena e meia de trabalhos,… Continue reading

SÃO VICENTE CÁ FORA

SÃO VICENTE CÁ FORA: OUTRAS FORMAS DE INTERVIR NA CIDADE Nas imediações do Panteão Nacional e mesmo em tempo de pandemia, Lisboa pensa e atua sobre o seu espaço público. Por estes dias, no plano do visível, a intervenção artística de Alberto Rodrigues Marques, Henrique Palmeirim e Hugo Castilho liga os conceitos de arte, sustentabilidade, criatividade… Continue reading

PROTÓTIPOS: MECANISMOS DE ENSAIO

Sim, era preciso recomeçar e a peste não esquecia ninguém durante muito tempo. Durante o mês de dezembro, ela queimou os peitos dos nossos concidadãos, iluminou o forno, povoou os acampamentos de sombras de mãos vazias, não deixou, enfim, de progredir no seu passo paciente e sincopado. As autoridades tinham contado com os dias frios… Continue reading

OFICINA TROPICAL

Muitas vezes falamos sobre arte, como se fosse um conceito que se derrama igualmente por todas as sociedades, da mesma forma que se apresenta a água ou o sol. Em qualquer parte do mundo, a água molha e o sol aquece. Mas a arte não é um bem terrestre, mas sim uma construção simbólica que… Continue reading

A CONSPIRAÇÃO DA ARTE

Em 1996, Jean Baudrillard (1929-2007) inicia com “Le complot de l´art” (A conspiração da arte)¹ um processo de crítica e reflexão sobre os caminhos da arte contemporânea e das ditas vanguardas que coloca o foco no facto de a Arte ter perdido a sua capacidade ilusória, realimentando-se em si mesma e tornando-se transestética, como a… Continue reading

A VIDA É UM EMARANHADO DE NÓS

A VIDA É UM EMARANHADO DE NÓS é a segunda exposição resultante da parceria entre a zet gallery e a Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa. A seleção de artistas foi feita a partir dos participantes na edição 2019 das GA-AB (Galerias Abertas) por um júri constituído por Joana Meneses Fernandes (coordenadora do… Continue reading

Terreno, interdito e interioridade.

À primeira vista, não senti grande afinidade entre os autores e as obras apresentadas, pelo menos uma afinidade que fosse além do formato de Pintura ou do pensamento pictórico. Da mesma forma, não me pareceu que houvesse, também, grande afastamento entre as propostas, um afastamento que ultrapassasse os processos, entre si, muito diferentes, como as… Continue reading

NOVAS BABILÓNIAS

Conhece-la? Onde é? Qual é o seu nome? – Não tem nome nem lugar. Repito-te a razão por que a descrevi: do número das cidades imagináveis temos de excluir aquelas cujos elementos se somam sem um fio condutor que os ligue, sem uma regra interna, uma perspectiva, um discurso. São cidades como sonhos: todo o… Continue reading

DIÁLOGO(S) COM UM UNIVERSONAUTA

DIÁLOGO(S) COM UM UNIVERSONAUTA é um exercício curatorial de Helena Mendes Pereira que reúne obras de Volker Schnüttgen (n.1961) e Domingos Loureiro (n.1977). Mais do que uma exposição, DIÁLOGO(S) COM UM UNIVERSONAUTA é um encontro e um exercício curatorial de contágio conceptual entre as produções artísticas de Volker Schnüttgen e Domingos Loureiro, entre as suas esculturas… Continue reading

UTOPIA

Porque a verdade é que fui eu próprio que deixei a casa dos sábios, batendo com a porta atrás de mim. Demasiado tempo esteve a minha alma faminta sentada à sua mesa; eu não sou feito como eles para petiscar o Conhecimento como quem parte nozes. Amo a liberdade e o vento que corre sobre… Continue reading