Magriço ., painter at zet gallery

Magriço .

Coruche, Portugal

Painting  |  7 Followers
Individual exhibitions

"es.tu.dos"

garagem 7, bienal de artes Coruche, Coruche
2017
“Es.Tu.Dos", Magriço - Garagem 7 [Bienal Artes Coruche], Coruche [30 Set. a 15 Out. 2017], org.: Município de Coruche

"ensaios sobre a origem das espécies - [casa animal]"

Fórum Eugénio de Almeida, Évora
2017
“Ensaios sobre a Origem das Espécies", Magriço - Casa Animal [Forum Eugénio de Almeida], Évora [28 Mai. 2017], org.: Fórum Eugénio de Almeida, BoCA [Biennial of Contemporary Arts], SHE [Sociedade Harmonia Eborense] Uma mostra de pinturas e sons cuja a narrativa procura a representação da luta pela sobrevivência do mais apto. Tendo como matriz a gratificação pulsionnal, o amor, o amparo, a destruição e a apropriação/conservação do outro na construção do ser. Do ser canibalesco ao ser continente.

"ensaios"

Sociedade Harmonia Eborense, Évora
2017
“Ensaios", gregorio mucio [Sociedade Harmonia Eborense], Évora [17 Fev. a 15 Mar. 2107]

“do corpo presente”

galeria U.Freg. Coruche
2018
“Do corpo presente” reúne uma pequena selecção de obras que procuram um diálogo entre a substância [corpo] e o tempo- espaço [presente]

solidão, ai dão, ai dão

sociedade harmonia eborense, Évora
2019
“Solidão ai dão, ai dão” reúne uma seleção de obras de pintura tendo como pano de fundo o binómio solidão-paixão. [“Solidão, s.f. Estado do que está só”, “Paixão, s.f. Movimento da alma para o bem ou para o mal […]” in Adolfo Coelho (1890) Dicionário Manual Etimológico da Língua Portuguesa]
Collective exhibitions

"(In)Quietude"

Palácio do Barrocal, Évora
2017
“(In)quietude", José Fonsenca e Magriço - Palácio do Barrocal [Inatel], Évora [08 Dez. a 29 Dez. 2017] Da quietude à inquietude, exposição que reúne uma selecção de obras de pintura e desenho tendo como matriz as “(in)quietações” de José Fonseca e Magriço.

"roots"

Aqui Base Tango, Coimbra
2018
“o homem e o cão” em Exposição de arte visual´18 / ROOTS [org. RAIZVANGUARDA - Associação Cultural], Aqui Base Tango, Coimbra [23 a 27 de Mai. 2018]

" Atelier Aberto IV ed."

Armazém 8, Évora
2018
“a lavadeira”, “aparição”, “o homem e o cão”, “a cerimónia" e “a noiva” em Atelier Aberto IV ed. [org. Carvão Estúdio] - Armazém 8, Évora

"Estúdio aberto/Open studio ROOTS"

Raizvanguarda, Góis
2018
“o homem, a pedra e a sombra” e “o homem elefante” em Estúdio aberto/Open studio R O O T S, [org. RAIZVANGUARDA - Associação Cultural], Raizvanguarda, Bordeiro/Góis

“A casa dos bichos” em bienal artes de Coruche

bienal artes de Coruche, Coruche
2019
«O bicho-homem moderno […] Aprisionado, não por um fornecedor de recintos zoológicos, mas pela sua própria habilidade cerebral, acabou por se instalar numa enorme e irrequieta CASA DE BICHOS, onde corre constantemente o risco de estoirar sob a pressão» in Desmond Morris (1969) O Zoo Humano

DESVIOS

Fábrica Braço de Prata, Lisboa
2020
“o ringue” em colectiva “Desvios «ringue. espaço mais ou menos confinado à habilidade, flexibilidade e robustez psíquica dos intervenientes, usado para combates internos ou externos» in Magriço (2020) Elucidário de Palavras e Afins